27.8.06

Boca de urna

De olho nos eleitores que pretendem votar nulo (cerca de 8% do eleitorado, segundo a última pesquisa realizada pelo IBOPE), a senadora Heloisa Helena adotou o seguinte slogan de campanha: "Não vote nulo. Vote nela." Acho legal, mas perigoso. Em propaganda, trocadilhos são armadilhas. Nesse caso, por exemplo, basta inverter a frase para a estratégia ir por água abaixo. Você duvida que vai ter gente lendo "não vote nela, vote nulo"? Eu não. Em comunicação social a compreensão é sempre improvável.

Antes que me perguntem, não vou votar nulo, nem nela. Vou votar nele.

2 comentários:

Claudia disse...

É isso aí, Zé..
Eu tb voto nele..
Sei de tds os problemas q aconteceram, não sou alienada..
Mas prefiro ele a esse bando de burgueses q não querem perder a teta de jeito nenhum..
O q querem é fazer c q o povo perca a esperança na última esperança q restou e assim poderem dizer: "Viu?? Nós ainda somos o q vcs têm de melhor.."
Porra nenhuma..
Essa lama eu quero é fora!!!
Desculpe o desabafo..
Bjo p vc..

Ciça disse...

Eu fui mais longe... imaginei ELA do "Fique Amiga dela" (dá uma busca no Google).

Mano, eu te entendo... espera me ver falando portudeutsch... é uma vergonha!