18.11.06

O nome da coisa



Uma das maneiras de encurtar o caminho rumo à mente do consumidor é batizar o produto com um nome que expresse extamente seu benefício. Eis aí um bom exemplo. O produto serve para molhar os dedos de quem trabalha contando dinheiro, verificando documentos etc. O problema é que é impossível ouvir falar em Molha Dedo sem pensar em sacanagem. Eu, pelo menos, não consigo. E você?


5 comentários:

Viviana disse...

Eu diria,

Não pensar em sacagem neste caso:

Missão Impossível!

Bjs.

Débora disse...

Ainda mais em "12". Pense!
Bom domingo.

Jorge disse...

Juro que não pensei, mas quando você falou em "encurtar o caminho rumo..." aí juro que pensei sim.

Clarice disse...

confesso que pensei, antes mesmo de começar a ler o texto. "oh, era só o que faltava", o final do pensamento.

Claudia disse...

Idem..
E um dedinho bem molhado p vc..rs..