16.11.06

Zapeando

Aproveitei o feriado para dar uma zapeada pelos programas vespertinos da TV. Mais por obrigação profissional do que por diletantismo.

Sonia Abramo (A tarde é sua - Rede TV)continua velando Nair Belo, coisa que vem fazendo desde a segunda-feira, numa espécie de crônica da morte anunciada. É a falta de assunto traduzida em morbidez.


O pastor aí de cima prega em vários canais. Às 6 da manhã ele já estava pregando. Às 3 da tarde, ele continuava pregando. Me disseram que ele prega à noite também. Desse jeito, vai faltar prego no mercado.

Brasil e Suiça. Legal ver a seleção brasileira cheia de gente nova. O jogo não é grande coisa, mas o pessoal se empenha em mostrar serviço. O problema é que mudaram a equipe técnica, mudaram os jogadores, mas mantiveram o Galvão Bueno. Aliás, o Galvão está mantido até 2014, com rendimentos mensais de 1 milhão de reais (o contrato com a Globo foi renovado logo após a Copa deste ano). Se você também não gosta dele, azar.


Regina Volpato continua linda, expondo os pequenos dramas familiares de pessoas comuns. A fórmula é manjada, mas ela conduz o programa com tanta elegância que eu termino gostando. Da Regina, claro.



4 comentários:

Anônimo disse...

Vaporosa essa Regina, pra dizer o mínimo. Quanto ao Galvão Bueno, o negócio é tirar o som da TV e escolher o locutor predileto no rádio.

Ricardo M
www.homembaile.blogspot.com

Anônimo disse...

Quem?! O Galvão Bostabueno. Assim esse @%$&!dapufliglufliglu. Aja saco.

Viviana disse...

Dias desses, há menos de uma semana fiz a mesma constatação em relação a este pastor estilo charlatão. Pensei, pqp o cara tá dia e noite na televisão. A que horas será que ele... rsrsrs

Qto a Regina. Também simpatizo com ela. O programa realmente é meia boca, mas ela o conduz com maestria.

Sobre o Galvão. Ah, nem dá pra comentar!

Bjos.

Pati Haddad disse...

É Sônia ABRÃO! Ou Abraão. Ou Abrahão. Mas não Abramo!